sábado, 19 de novembro de 2016

Peixe Cozido - Receita Light



Ingredientes:

1/2 kg cascudo limpo e temperado a gosto
2 dentes de alho amassados
1 cebola média cortada
2 tomates médios cortados
1 colher (sopa) de óleo


Preparo:

Em uma panela de pressão, coloque o óleo, frite o alho e a cebola. Junte o tomate, coloque os pedaços do cascudo e misture bem.
Coloque água até cobrir a mistura.
Tampe a panela e deixe cozinhar por cerca de 15 a 20 minutos após pegar pressão.

E está pronto para servir!

Acompanhamentos: arroz e saladas!!!!


Acesse nosso canal e acompanhe nossas Receitas também em vídeos, clicando aqui


Inscreva-se! E curta nossos Vídeos! 

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Benefícios Graviola - Chá das Folhas

Recorrer a chás para tratar certas patologias é uma ideia milenar e até hoje pode ser vista nas casas das pessoas. Um dos chás pouco conhecidos, entretanto cheio de benefícios é o feito das folhas de graviola. Esse fruto veio lá das Antilhas, mas se deu muito bem no solo norte/nordestino do Brasil e em outros países tropicais. Alguns lugares a chamam de jaca do Pará e, além de ser uma fruta deliciosa e refrescante, é rica em vitaminas e fibras que fazem bem ao organismo.

Para que serve?

  • Artrite
  • Asma
  • Abscesso
  • Catarro
  • Cólica
  • Diabetes
  • Diarreia
  • Depressão
  • Hipertensão
  • Inflamação
  • Insônia
  • Verme
  • Reumatismo
  • Problemas no aparelho digestivo (gastrite e úlcera)
  • Obesidade
  • Prisão de ventre
  • Doenças hepáticas
  • Enxaqueca
  • Gripe
  • Colesterol alto
  • Nevralgia
  • Emagrecer
  • Câncer

Como as propriedades da graviola podem ajudar no tratamento de câncer?

Alguns testes em animais puderam comprovar que o chá das folhas de graviola combatem células cancerígenas, no entanto o uso ainda não foi evidenciado nos humanos. Isso acontece por causa do princípio ativo acepitamina, que é anticancerígeno. Apesar dessa propriedade, o ativo se dispersa muito rapidamente e os laboratórios ainda não foram capazes de sintetizá-lo. Vale lembrar que, se o oncologista aprovar, não faz mal beber o chá e, quem sabe, ter novidades positivas.

Receita do chá das folhas de graviola

Selecione seis folhas da graviola e ponha em um recipiente de vidro que comporte um litro de água. Ferva a água e deposite no recipiente com as folhas, abafando para que fique em infusão por quinze minutos. Passando esse tempo, coe e beba. Se preferir, adoce com uma colher rasa de chá de mel. Para melhorar a digestão, tome três xícaras da bebida por dia. Lembre-se de que não é ideal guardar as sobras do chá para o dia seguinte, beba tudo no mesmo dia que o fez.

Quem NÃO deve tomar?

As pessoas que apresentam pressão baixa devem evitar o consumo desse chá, pois ele acaba baixando mais ainda. Grávidas e lactantes também não devem beber tal infusão. Há ainda contraindicações para os indivíduos com caxumba, ferimentos na boca ou aftas, pois a bebida é bastante ácida e provoca dor nesses casos.

Propriedades concentradas nas cápsulas

No mercado é possível encontrar o extrato de graviola em cápsulas. Por ser extraída da própria fruta, essa drágea é mais concentrada em termos de propriedades benéficas á saúde. Pergunte a um nutricionista se essas cápsulas são ideais para você!
Fonte: Chá Benefícios

Benefícios da Graviola - Frutos

Graviola é uma fruta levemente cítrico e cremoso, que pertence à família das amoras. Costuma-se comer cru ou em sucos. A Polpa branca da Graviola tem um perfume suave, que é usado para aromatizar os sorvetes. A Graviola é uma excelente fontes de vitaminas e minerais e seus benefícios incluem: prevenção contra doenças do estômago e vermes, diminui a insônia, Auxilia nos tratamentos da Diabetes e gripes e resfriados e outros Benefícios! 

Graviola é uma fruta de baixo de caloria. Ele fornece cerca de 70 calorias por 100 gramas de seu consumo. Ela é rica em carboidratos e fibras alimentares. Vitaminas como a vitamina B e vitamina C. além disso, A graviola é uma excelente fonte minerais tais como: Magnésio, cálcio, potássio, fósforo e de sódio!
Benefícios da Graviola prevenção do câncer: Graviola ajuda a diminuir os níveis dos receptores de crescimento epidérmico, portanto, impede o desenvolvimento de células de cancerígenas. Ele também contém acetogeninas que são compostos anti-cancerígenos e ajuda na inibição de nicotinamida adenina oxidase de células cancerígenas.
Benefícios da Graviola na perda de peso: Graviola é muito baixa em calorias e fornece uma cargas de nutrientes. Ele é rico em fibras e, assim, mantém uma pessoa saciados por um bom tempo. As folhas da Graviolas são usadas para preparar o chá, o que pode ser útil para o emagrecimento.
Benefícios da Graviola para pele: Graviola tem excelente benefício para a pele, por ser rico em vitamina C que ajuda na eliminação de toxinas do corpo. com isso, ajuda a pele ser macia e suave. Ela também tem propriedades anti-inflamatórias e pode ajudar a reduzir a acne e furúnculos. Devido a propriedades anti-bacterianas. Graviola também é rica em polifenóis, saponinas e flavonóides, que são antioxidantes. Estes antioxidantes inibem os danos dos radicais livres e prevenir os primeiros sinais de envelhecimento, rugas e pigmentação. Eczema podem ser evitados através da aplicação às folhas das áreas afectadas.
Benefícios da Graviola para pressão arterial: Graviola contém uma quantidade elevada de potássio. Ele ajuda na regulação da circulação sanguínea e, portanto, reduz a pressão arterial. A hipertensão pode ser reduzida que ocorre principalmente devido a pressão arterial elevada.
Benefícios da Graviola na Prevenção da Diabetes: Graviola é recomendada para prevenir a diabetes. É rico em fitoquímicos, conhecidos como acetogeninas. Estes fitoquímicos poderosos podem ajudar a regular o nível de açúcar no corpo. Além disso, é rica em fibra dietética, que ajuda a abrandar o processo de digestão no corpo e ajuda a controlar o nível de glicose.
Benefícios da Graviola Na redução da Asma e febre: Graviola tem propriedades anti-piréticos e anti-parasitárias. Por isso que é útil contra a febre, tosse e frio. O Chá preparado usando as folhas podem ser consumidos para aumentar a imunidade do corpo.

Outros Benefícios da Graviola Para Saúde:

  • Graviola tem propriedades anti-inflamatórias e, portanto, é útil contra o inchaço e artrite. Dor nas articulações e nas costas pode ser reduzida por sua ingestão.
  • É rico em fósforo e cálcio, assim, ajuda no fortalecimento dos ossos. As possibilidades de osteoporose pode ser reduzida por sua ingestão.
  • Graviola é rico em um composto conhecido como triptofano. Ele ajuda na redução da ansiedade e depressão. Ele atua como um potenciador de humor e pode promover um sono profundo.
  • Infecções do trato urinário pode ser evitada pelo consumo devido ao seu elevado teor de água. Suas propriedades anti-bacterianas pode ser útil contra doenças como a gonorreia.
Fonte: Saúde Dica




Alimentos Cicatrizantes

Os alimentos cicatrizantes, como leite, iogurte, laranja e abacaxi, são importantes na recuperação após uma cirurgia porque facilitam a formação do tecido que fecha as feridas e ajudam a diminuir a marca da cicatriz.

Para melhorar a cicatrização também é importante manter o corpo bem hidratado porque assim a pele fica mais elástica e a cicatriz fica melhor, uma boa solução podem ser os alimentos ricos em água como laranja, melancia e os caldos.
Confira na tabela exemplos de alimentos que contribuem para uma melhor cicatrização da pele e que devem ser consumidos no pós-operatório:
ExemplosBenefício no pós-operatório
Alimentos ricos em ProteínasCarne magra, ovo, peixe, gelatina, leite e derivadosAjudam na formação de tecido que vai ser necessário para fechar a ferida.
Alimentos ricos em Ômega 3Sardinha, salmão, atum ou sementes de chiaReduzem a inflamação facilitando a cicatrização.
Frutas cicatrizantesLaranja, morango, abacaxi ou kiwiImportante na formação do colágeno, que ajuda a pele a ficar mais firme.
Alimentos ricos em Vitamina KBrócolis, aspargo ou espinafreAjudam na coagulação parando a hemorragia e facilitando a cicatrização.
Alimentos ricos em FerroFígado, gema de ovo, grão-de-bico, ervilha ou lentilhaAjuda a manter as células do sangue saudáveis, que são importantes para levar os nutrientes ao local da ferida.
Alimentos ricos em ValinaSoja, a castanha-do-pará, a cevada ou a berinjelaMelhoram a qualidade de regeneração dos tecidos.
Alimentos ricos em Vitamina ESementes de girassol, avelã ou amendoimMelhora a qualidade da pele formada.
Alimentos ricos em Vitamina ACenoura, tomate, manga ou beterrabaSão bons para evitar a inflamação da pele.
​A toma do suplemento alimentar Cubitan pode ser útil para facilitar o processo de cicatrização, especialmente no caso de feridas em pessoas acamadas.

O que não comer para uma boa cicatrização

Alguns alimentos como doces, refrigerantes, frituras ou embutidos, por exemplo, podem prejudicar a cicatrização porque o açúcar e a gordura dificultam a circulação do sangue, que é essencial para que os nutrientes cheguem à ferida para cicatrizar o tecido lesionado.

Dieta para facilitar a cicatrização

Uma boa opção de refeição para o pós-operatório é tomar uma sopa de legumes, batida no liquidificador com um fio de azeite. Essa primeira refeição deve ser líquida e pode ser tomada até mesmo num copo com canudinho para facilitar.
Quando o paciente estiver menos enjoado, poderá fazer uma refeição leve, dando preferência aos cozidos. Uma boa dica é comer 1 posta de salmão grelhado ou cozido, temperado com ervas com ovo e brócolis cozidos, e 1 copo de suco de laranja batido com morangos.

Fonte: Site Tua Saúde

Alimentos ajudam a engravidar

Muitas mulheres podem ter dificuldade em engravidar devido a algumas disfunções dela ou do parceiro. Quando isso acontece, a primeira coisa é agendar uma consulta para iniciar um tratamento, mas pode-se ainda buscar ingerir certos alimentos que ajudam a engravidar, chamados de fertilizantes devido à presença de certos nutrientes fundamentais nesse sentido.
Veja abaixo a lista de nutrientes e vitaminas mais importantes para quem quer engravidar e os melhores alimentos que ajudam a engravidar. Boa sorte!

– Proteínas de alta qualidade

Em um estudo realizado com casais que estavam tendo problemas com a fertilidade foi descoberto que consumir mais proteína do que carboidratos ajudou a aumentar as taxas de gravidez. Ingerir uma dieta de 25% ou mais proteínas e 40% ou menos carboidratos melhorou a qualidade dos óvulos e dobrou a taxa de gravidez em pacientes de fertilização in vitro quando comparadas àquelas que ingerem mais carboidratos e menos proteínas.
Proteínas de alta qualidade são importantes para a fertilidade. Certifique-se de que você está consumindo uma proteína completa que tem todos os aminoácidos essenciais para o corpo. Ovos, assim como as aves de carne branca e peixes, especialmente aqueles ricos em ômega-3 como o salmão, são importantes alimentos que ajudam a engravidar.
Se você é vegetariana, feijões e leguminosas são fontes de proteína saudáveis ​​que também são ricas em ferro, um nutriente essencial. Para aqueles que só consomem produtos à base de soja, procure ingerir os grãos de soja inteiros ao invés das versões processadas que ​​tendem a ser menos saudáveis por serem ricas em sódio.

Ômega-3
Quando uma mulher já estiver grávida, o ômega-3 desempenha um papel importante no desenvolvimento do cérebro do bebê, mas eles são excelentes também para a dieta antes da gravidez, pois ajudam a manter os hormônios funcionando corretamente, assim você pode engravidar nos próximos meses mais facilmente. Inserir mais ômega-3 em sua dieta a cada dia ingerindo sementes de chia, sementes de linhaça ou porções de peixe por semana pode auxiliar na fertilidade.
Consuma de 1.000 a 2.000 mg por dia de ácidos graxos por dia, o que corresponde a cerca de 56 a 85 gramas de peixe, 2 colheres de sopa de nozes ou 2 colheres de sopa de linhaça ou semente de chia. Sementes de linhaça e sementes de chia podem ser colocadas no iogurte, em saladas, ou integrar cereais de grãos inteiros, frutas secas, etc. Você também pode cozinhar com óleo de linhaça ou óleo de semente de chia para obter todos os benefícios.

– Laticínios e derivados

Os produtos lácteos são ótimos alimentos que ajudam a engravidar devido à forte presença de cálcio e proteína. Para aumentar suas chances de engravidar, você pode trocar um leite desnatado por um integral e com gordura. Um estudo descobriu que mulheres que consomem uma porção de leite integral por dia diminuíram as chances de um determinado tipo de infertilidade, de acordo com um artigo publicado no New York Times.
Você não precisa consumir a versão integral de todos os alimentos lácteos, mas é uma boa ideia trocar alguns alimentos sem gordura para baixo teor de gordura ou leite integral de vez em quando. Tentar obter um pouco de gordura de laticínios para obter mais desses nutrientes essenciais ajudarão a preparar o seu corpo para ter um bebê.

– Frutas e vegetais
Se você já estiver acomodada a obter frutas e vegetais suficientes em sua dieta agora, adicionando-os ao maior número de refeições e lanches que você puder, é uma ótima forma de aumentar suas chances de engravidar. Frutas e vegetais fornecem uma série de nutrientes essenciais e antioxidantes e ajudam a diminuir a inflamação no corpo.
No geral, agora é um grande momento para olhar para sua dieta como um todo, se você está ingerindo um monte de alimentos industrializados, fast food, cereais processados e doces, saiba que esses alimentos não têm nenhum benefício nutricional e podem estar prejudicando o seu corpo. Além disso, eles podem elevar os níveis de açúcar no sangue e gorduras trans levando à inflamação do corpo.
Se você estiver com sobrepeso, perder peso pode aumentar a sua fertilidade, mas não tente perder mais do que um quilo por semana. Cortar drasticamente calorias ou se exercitar demais irá interferir na sua capacidade de engravidar.

– Ácido Fólico
Quem deseja engravidar deve ter uma dieta rica em ácido fólico. Você pode tomar um suplemento, vitamina, bem como aumentar a sua ingestão de alimentos ricos em ácido fólico, como grãos fortificados integrais, cereais enriquecidos, legumes e frutas cítricas. Você deve inferir de 400 a 600 mg de ácido fólico por dia antes da gravidez e cerca de 800 mg durante a gravidez para garantir uma gravidez saudável e minimizar o risco de defeitos congênitos no feto.

Alimentos que ajudam a engravidar


  1. Feijões: O feijão é um alimento que pode aumentar a fertilidade. Pesquisadores da Saúde Pública de Harvard analisaram cerca de 19.000 enfermeiras que estavam tentando ativamente engravidar e descobriram que a infertilidade era 39% mais provável ​​em mulheres com o maior consumo de proteína animal. Mas as mulheres que ingeriram uma quantidade excessiva de proteínas vegetais foram consideradas menos propensas a terem problemas para tentar engravidar. Por isso, vale investir no grão de bico em uma salada, consumir lentilhas, tofu, edamame e nozes, que são boas proteínas de origem vegetal também;

  2. Folhas verdes: Espinafre, alface, rúcula, brócolis e outras verduras de folhas escuras são alimentos que ajudam a engravidar por serem ricos em ácido fólico, uma vitamina B que alguns estudos descobriram que pode melhorar a ovulação. Tanto a mulher quanto os homens devem consumir folhas verdes, pois doses mais elevadas de ácido fólico produzem espermatozoides saudáveis, potencialmente reduzindo as chances de aborto ou problemas genéticos no bebê. Pesquisadores da Universidade da Califórnia entrevistaram 97 homens não-fumantes que não tinham antecedentes de problemas de fertilidade e descobriram que os que tiveram a maior ingestão de vitamina tiveram uma redução de quase 20% do número de espermatozoides anormais;

  3. Sementes de abóbora: São ricas em ferro, o tipo de ferro encontrado em certos alimentos vegetais e alimentos fortificados com ferro. Um estudo descobriu que as mulheres que tomaram regularmente um suplemento de ferro ficaram 40% menos propensas a ter problemas para engravidar do que aquelas que não ingeriram ferro. Sementes de abóbora torradas no forno podem ser excelentes alimentos que ajudam a engravidar, além de dar mais crocância a sua refeição;

  • Pão Integral: Carboidratos complexos demoram mais do que os refinados para serem digeridos, ajudando a manter o açúcar no sangue e consequentemente os níveis de insulina estáveis. E sabe-se que o aumento dos níveis de insulina pode perturbar hormônios reprodutivos. Um estudo holandês que analisou 165 casais que tentavam engravidar descobriu que quando as mulheres tinham níveis elevados de açúcar no sangue, a probabilidade de engravidar caiu pela metade durante o estudo de seis meses. Prefira os pães integrais, arroz integral e macarrão de trigo integral em vez do branco;

  • Azeite de oliva: O azeite é uma gordura monoinsaturada que ajuda a aumentar a sensibilidade à insulina e diminuir a inflamação de todo o corpo. A inflamação interfere na ovulação, concepção e desenvolvimento inicial do embrião. Regue azeite em saladas com um pouco de vinagre balsâmico, ou use para cozinhar ao invés da manteiga;

  • Salmão selvagem: Este peixe de água fria é rico em ômega-3, que pode ajudar a regular os hormônios reprodutivos e aumentar o fluxo sanguíneo nos órgãos reprodutivos. Salmão também tem menor quantidade de mercúrio do que outros peixes, sendo uma opção mais saudável para consumo destes alimentos que ajudam a engravidar. Evite ingerir tubarão, espadarte e cavala, que a Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos não recomenda para quem está tentando engravidar;

  • Leite: Estudos recentes descobriram que os produtos lácteos ricos em gordura são, provavelmente, um dos melhores alimentos que ajudam a engravidar. O leite é uma excelente fonte de cálcio, fósforo e vitamina D. Também é crucial para a construção óssea dos bebês. No entanto, seu consumo deve ser limitado, pois o produto é extremamente calórico. O leite pode ser facilmente consumido puro ou no preparo de shakes. Ele também pode ser consumido juntamente com frutas e cereais;

  • Ovos: Os ovos são altamente ricos em aminoácidos, por isso, acredita-se que eles também podem ser alimentos que ajudam a engravidar bastante úteis. Os aminoácidos são basicamente uma forma de proteína que não só ajudam a aumentar a fertilidade, mas também são importantes na formação dos óvulos reprodutivos no corpo feminino. Os ovos podem ser consumidos na forma de omeletes, cozidos, ovo mexido, sanduíches e saladas;

  • Berries: As bagas ou berries são frutas ricas em carboidratos, vitamina C, ácido fólico, potássio, fibras e fluidos e, por isso, auxiliam na fertilidade. Bagas realmente ajudam na prevenção de danos, impedindo o envelhecimento de células somáticas. Podem ser ingeridas em shakes, em saladas ou com cereais;

  • Oleaginosas: Algumas oleaginosas como amêndoas, nozes e pistache são consideradas indispensáveis ao corpo. As gorduras presentes nesses alimentos não são gorduras trans ou gorduras saturadas, que são prejudiciais para o corpo, mas sim gorduras monoinsaturadas, que são necessárias para manter os níveis de insulina em equilíbrio e aumentar as chances de engravidar. As oleaginosas também são ricas em vitamina E e podem ser consumidas no lanche da manhã ou tarde, em arroz ou em saladas;

  • Bananas: As bananas são ricas fontes de vitamina B6 e são necessárias para a produção de hormônios sexuais. O consumo de bananas pode facilitar e regularizar a menstruação e também levar ao desenvolvimento do óvulo saudável. Também ajudam na conversão de alimentos em energia, criando novas células de sangue para o bebê crescer e contribuindo para uma visão e pele saudável do bebê. Com tantos benefícios, não deve ser descartada da dieta alimentar. Consuma pura ou com leite e cereais;

  • Carne vermelha: A carne vermelha é uma grande fonte de ferro e vitamina B12, que ajuda a prevenir a anemia. Além disso, diminui o risco de infertilidade e desempenha um papel vital na produção de células vermelhas do sangue. É também necessário para o desenvolvimento do sistema nervoso. Pode ser consumido de diferentes maneiras. Certifique-se de optar por carne vermelha orgânica e consumi-la em quantidades moderadas;

  • Sorvete: Um estudo revelou que uma ou duas porções diárias de leite ou de produtos lácteos integrais como sorvete protegem contra a infertilidade ovulatória. Leite desnatado tem o efeito oposto, dificultando a gravidez. A remoção da gordura do leite desestabiliza os hormônios sexuais, que por sua vez dificulta a ovulação. Deve-se tentar substituir alguns leites sem gordura por leite integral e tentar compensar a maior quantidade de gordura ingerida, eliminando calorias de outros alimentos.

  • Evite gorduras trans

    As gorduras trans, que são encontradas em muitos produtos de panificação, alimentos processados, alimentos fritos e outros, são gorduras que interferem na gravidez. Essas gorduras diminuem a capacidade do organismo de reagir à insulina, o que irá torná-lo mais propenso à ovulação irregular.
    A lista dos melhores alimentos que ajudam a engravidar não é extensa, e os listados acima são facilmente encontrados para consumo em supermercados. Além de ajudar a engravidar, trazem outros benefícios para a saúde e nenhum efeito secundário nocivo.
    Também é necessário enfatizar que o excesso de qualquer alimento nunca é bom para a saúde. Todos os alimentos devem ser consumidos para saciar uma exigência do corpo e não por excesso. Qualquer desconforto durante a tentativa de engravidar, indica-se consultar um médico. E, se nada disso adiantar, agende uma consulta para um tratamento mais adequado.

    Fonte: Site Mundo Boa Forma

    terça-feira, 15 de novembro de 2016

    Vinagre de Maçã para alívio das dores nas articulações

    Vinagre de maçã para a artrite

    Há algumas divergências sobre a atuação do vinagre de maçã contra as dores da artrite, pois algumas pessoas afirmam que ameniza tal problema, enquanto em outras não. Como cada organismo reage de forma distinta, a comprovação científica ainda não foi dada.Mesmo assim, a maçã pode sim ser útil para reduzir a inflamação, uma vez que contêm antioxidantes (como os pigmentos vegetais proantocianidinas, o betacaroteno, a vitamina C e o selênio), além de salicilatos similares à aspirina. Dessa forma, você pode testar se o vinagre de maçã funciona, usando-o para temperar saladas, em sopas, ou outros pratos. Pode ainda beber duas colheres (chá) diluídas em um copo de água, três vezes durante o dia com as refeições.

    Tratamento natural

    Um tratamento popular e natural para a artrite nas mãos ou nos pés consiste em deixá-los imersos em uma solução formada com uma xícara de vinagre de maçã junto com três xícaras de água quente. Deixe-os imersos por alguns minutos, e repita o procedimento três vezes ao dia. A dor vai diminuindo graças à ação conjunta desses elementos.

    Maçã e o poder anti-inflamatório

    Se desejar ingerir maiores quantidades de anti-inflamatórios naturais, você pode passar a comer a maçã com casca. Mesmo com um teor mais baixo, o suco também é uma opção. Mas procure consumir o natural, não coado, e feito com maçãs inteiras.
    Vinagre de Maçã com Mel
    O vinagre de maçã e o mel são dois produtos naturais muito populares em todo o mundo, valorizados por suas múltiplas propriedades para o organismo.
    Quando são adquiridos em sua forma sem processar, ou seja, orgânica, seus benefícios para a saúde aumentam e cada um pode ser incluído em diferentes remédios naturais para prevenir e tratar diversas condições.
    Durante muitos anos, ambos os ingredientes serviram como um apoio para o corpo, já que seus compostos têm a capacidade de fortalecer o sistema imunológico e prevenir muitas doenças causadas por micro-organismos.
    O que muitas pessoas não sabem é que as duas substâncias podem ser usadas em um único remédio para potencializar seus efeitos e assim apoiar o tratamento de várias doenças.

    Quais são os benefícios da combinação de vinagre de maçã e mel?

    O mel cru e o vinagre de maçã orgânico são elogiados pela ação de seus compostos ativos para prevenir e tratar infecções e problemas de saúde que têm um impacto negativo na qualidade de vida.
    A mistura de ambos resulta em um potente anti-inflamatório, antioxidante e antibiótico que pode contribuir para melhorar diferentes doenças comuns e crônicas.
    Entre os principais benefícios deste remédio podemos encontrar:
    • Ajuda a tratar e prevenir a dor nas articulações, e por isso é recomendado para pessoas com artrite.
    • É um tônico estomacal que ajuda a reduzir a dor e a acidez.
    • Melhora a digestão, o movimento intestinal e combate a prisão de ventre.
    • Ajuda a controlar os níveis de colesterol no sangue, contribuindo ao mesmo tempo para prevenir e melhorar a hipertensão.
    • É um apoio para pessoas que querem perder peso.
    • É um os melhores remédios para a dor de garganta e os problemas associados ao sistema respiratório.
    • Oferece uma energia extra.
    • Melhora a saúde da pele graças a sua capacidade de combater os radicais livres.
    • Elimina o mau hálito.
    Tomar esta bebida pelas manhãs antes de iniciar qualquer atividade ou consumir algum alimento é um complemento para todo o corpo, já que, além de proporcionar energia, também tem um importante efeito alcalino que faz efeito uma vez que tenhamos digerido a combinação.
    Por isso, este remédio natural está se convertendo em uma das melhores alternativas de saúde para combater tudo que é prejudicial para os órgãos do corpo e criar uma barreira protetora.

    Segue a Receita:

    Ingredientes

    • 1 colher de mel cru (7,5g)
    • 1 colher de vinagre de maçã (5ml)
    • 1 copo de água (250ml)

    Preparo


    Misturar a colher de mel e de vinagre de maçã em um copo de água morna e mexer bem para diluí-los.

    Como consumi-lo?

    A melhor forma de aproveitar ao máximo seus benefícios é tomando-o com o estômago vazio, pelo menos 20 minutos antes do café da manhã.
    Ele também pode ser ingerido em outras horas do dia, em função das suas necessidades ou preferências. Em todo caso, não devem ser ingeridas mais de três doses ao dia, pois ele poderia ser prejudicial.

    Contraindicação

    Não existem contraindicações para o consumo da maçã ou do vinagre até então. Mas aconselha-se que sempre procure um médico, pois esses produtos naturais normalmente agem apenas como um complemento do tratamento.

    Vinagre de Maçã e seus inúmeros Benefícios

    Você conhece o Vinagre de maçã como tempero para suas saladas. Pode conhecer também para muitas outras funções, mas você sabia que o Vinagre de Maçã pode curar doenças e melhorar a Qualidade de Vida de muitas pessoas?

    Confira abaixo alguns de seus inúmeros Benefícios:


    vinagre de maçã possui uma série de benefícios para a saúde. Ele contribui para o emagrecimento, conta com ação antioxidante, protege o fígado, previne o diabetes, câimbras, tem ação diurética e melhora as articulações e a digestão.
    O vinagre de maçã possui mais substâncias benéficas do que os demais vinagres. O alimento conta com ácido acético, enzimas, catequinas e quercetinas, que são antioxidantes, traços de fibra solúvel, betacaroteno e minerais, especialmente o potássio.

    Principais nutrientes do vinagre de maçã

    O vinagre de maçã possui boas quantidades de ácido acético. Este ácido inibe a ação de várias enzimas que digerem os carboidratos, entre elas amilase, sacarase, maltase e lactase. Assim, este ácido é um bloqueador natural da absorção de amidos e açúcar. Quando estas enzimas são bloqueadas, os carboidratos passam direto através do trato digestivo. Desta maneira, são eliminadas calorias que se tivessem sido absorvidas contribuiriam para o aumento de peso. 
    O ácido acético ainda irá melhorar a eficiência dos músculos e a recuperação após os treinos. Além disso, a substância faz com que a glicose seja liberada lentamente no sangue, o que é benéfico para prevenir o diabetes.
    O alimento também possui boas quantidades de quercetina. Ela é importante porque possui ação antioxidante, melhora a imunidade e ajuda a reduzir os efeitos da histamina, uma substância que causa os sintomas de inflamação e alergia. Outras substâncias com ação antioxidante presentes no vinagre são as catequinas.
    O vinagre de maçã conta com traços de fibras pectina que proporciona saciedade, absorção de gorduras e melhora o trânsito intestinal. O alimento ainda possui betacaroteno, que evita problemas de visão e protege a pele, e potássio, que é essencial para o funcionamento celular.

    Benefícios comprovados do vinagre de maçã

    Ajuda a emagrecer: Um estudo da Universidade do Arizona e publicado na revista Diabetes Care observou que após ingerirem duas colheres de sopa de vinagre de maçã diluídos em água antes do almoço e do jantar, os participantes perderam em média dois quilos em um mês.
    Isto ocorre porque o alimento ajuda a reduzir picos de insulina e o nível de glicose após refeições ricas em carboidratos. Os picos de insulina são inimigos do emagrecimento porque quando o carboidrato é absorvido rapidamente pelo sistema digestivo, o nível no sangue sobe subitamente. Assim o pâncreas libera muita insulina que, por sua vez, irá baixar drasticamente os níveis de glicose no sangue, levando a uma hipoglicemia reativa e consequente sensação de fome.
    Além disso, o ácido acético presente no tempero é um bloqueador natural da absorção de amidos e açúcar. Quando estas enzimas são bloqueadas, os carboidratos passam direto através do trato digestivo, comportando-se como fibras insolúveis, que não podem ser digeridas. Assim são eliminadas muitas calorias, que se fossem absorvidas, certamente iriam dificultar a perda de peso.

    Previne o diabetes: O vinagre de maçã ajuda a prevenir a doença porque reduz os níveis de glicose e consequentemente os picos de insulina após refeições ricas em carboidratos. Quando a insulina é produzida e liberada no corpo em grandes quantidades levando aos picos, alguns tecidos e órgãos começam a reduzir sua resposta a ele, sendo preciso mais insulina para armazenar a mesma quantia de glicose. Esse processo é um quadro chamado de resistência à insulina, que se não for revertido pode evoluir para diabetes do tipo 2.

    Diminui a rigidez articular: O vinagre de maçã melhora a rigidez articular porque o ácido acético tem uma ação quelante, de eliminação, de cristais de minerais que se depositam nas articulações.
    Melhora a digestão: Este benefício ocorre porque o vinagre de maçã é fermentado e rico em enzimas, assim o alimento fica menos tempo retido no estômago e também pode haver melhora na azia e no refluxo.

    Protege o fígado: O vinagre de maçã possui os ácidos málicos, lático e cítrico que ajudam na saúde do fígado e também o tornam mais eficaz no processamento das toxinas, auxiliando o corpo a eliminá-las de forma mais rápida.

    Bom para a pele: Uma colher de sopa de vinagre de maçã diluída em um copo de 300 ml de água pode ser utilizado como um tônico para a pele. Esta combinação ajuda a reduzir o excesso de oleosidade cutânea e também a acne.

    Aliado dos músculos: O ácido acético presente no vinagre contribui para converter a glicose em glicogênio, que é armazenado pelos músculos e fígado como fonte de energia para as atividades do dia a dia. O glicogênio é usado de forma rápida pelo corpo e não se transforma em gordura. Quanto mais glicogênio, mais energia, e assim os músculos se tornam mais eficientes, o que facilita a malhação e a recuperação após a atividade física.

    Benefício em estudo do vinagre de maçã

    Previne o câncer: Estudos preliminares realizados com cobaias descobriram que o vinagre de maçã pode ser capaz de matar células cancerosas ou retardar o seu crescimento. Contudo pesquisas realizadas com seres humanos não obtiveram o mesmo resultado, inclusive um estudo relacionou o vinagre de maçã ao risco aumentado de câncer de bexiga.

    Usos do vinagre de maçã na beleza

    Vinagre de maçã para os cabelos

    O vinagre de maçã sempre é indicado popularmente como uma alternativa para cabelos quebradiços, porosos ou oleosos. Na verdade, ele não atua diretamente nesses problemas, mas funciona como um potencializador de cremes com essa finalidade. O pH dos fios danificados é alcalino e o desgaste pode ser tanto que o creme de tratamento não consegue se fixar aos fios, nessas horas o vinagre de maçã pode ajudar, pois ele ajuda a selar o produto nos seus fios. O vinagre de maçã contém o pH ácido, o que contribui com o fechamento das cutículas abertas. Ao fechar as cutículas com o vinagre de maçã, os cabelos perdem o frizz e adquirem brilho, porque a luz vai passar a refletir nos fios de forma mais uniforme do que antes.
    O ideal é usar o vinagre de maçã em todo o cabelo, podendo inclusive aplicá-lo na raiz, porque ele tem ação antifúngica e de limpeza, levando a uma melhora da caspa, em pessoas com essa predisposição.
    Para usar, basta misturar uma colher de sopa do vinagre de maçã em um copo de água filtrada morna. Borrife essa mistura em todo o cabelo, após a limpeza e, na sequência, aplique o creme de tratamento indicado mecha a mecha. Deixe agir por entre três a cinco minutos com touca térmica ou toalha umedecida em água quente. Ao final, enxágue tudo usando a água com vinagre diluído.
    Não se preocupe, pois o cheiro fica completamente disfarçado pela máscara nutritiva. A água com vinagre já deverá estar fria no final do processo e isso vai ajudar ainda mais a selar as cutículas.
    Vinagre de maçã para a pele
    Embora não existam estudos comprovando estes efeitos, o vinagre de maçã possui algumas propriedades que podem ser interessantes para a pele.
    O vinagre de maçã contém ácido acético, substância com propriedades antibacterianas que podem ter efeito antisséptico, promovendo erradicação das bactérias que induzem à acne.
    Ainda pensando nas espinhas, por ter um pH também é muito semelhante ao da pele, o que mantem ácido o ambiente natural da flora bacteriana da pele, inibindo o desequilíbrio no crescimento de bactérias causadoras da acne.
    Essa manutenção do pH também pode ser interessante para reestabelecer a síntese de proteínas essenciais e ácidos graxos da pele, evitando a oleosidade.
    O vinagre de maçã também contém alfa-hidroxiácidos que podem agir removendo as células mortas da superfície da pele, e promovendo suave esfoliação da pele, acelerando a descamação das células da epiderme, tendo efeito coadjuvante no clareamento de manchas.
    Porém, deve-se ter extremo cuidado ao utilizar o vinagre de maçã devido ao seu pH muito ácido, pode danificar e causar hipersensibilidade e até alergias na pele. O vinagre de cidra de maçã que você deve usar é o cru, orgânico, não filtrado e não pasteurizado e não o tipo refinado. Ele deve ser utilizado diluído com água na proporção de uma porção de vinagre para quatro porções de diluente. E após a aplicação enxaguar totalmente a pele. O ideal é usar todo dia uma vez para limpeza do rosto.

    Quantidade recomendada de vinagre de maçã

    Os estudos com o vinagre de maçã foram feitos com o consumo que varia de duas a quatro colheres de sopa por dia, diluídas em água. Por isso, o indicado é ingerir até duas colheres de sopa de vinagre de maçã, cerca de 30 ml, diariamente.

    Como consumir o vinagre de maçã

    O vinagre de maçã pode ser consumido na salada. O alimento também pode ser adicionado na água ou suco. Para ter a quantidade recomendada, uma alternativa é colocar uma colher de chá de vinagre na salada do almoço e outra na do jantar e acrescentar o restante em um copo de água ou suco. O alimento pode ser aquecido durante a elaboração de uma receita, mas evite consumi-lo puro.
    É importante comprar um vinagre de maçã orgânico, não pasteurizado e não filtrado. O vinagre ideal é o que apresenta uma fina teia boiando no conteúdo que são as enzimas e cultura bacteriana benéfica do processo de fermentação.

    Contraindicações

    Pessoas que sofrem com úlcera devem evitar o consumo do vinagre de maçã. Quem tem problemas gástricos precisa fazer uma série de restrições no dia a dia e não deve consumir muito vinagre. Também é recomendado que esses indivíduos evitem sucos ácidos, refrigerantes, condimentos, chás e café. Isto porque estes alimentos podem irritar o estômago.

    Riscos do consumo em excesso de vinagre de maçã

    Consumir o vinagre de maçã em excesso pode levar a uma série de problemas de saúde. Pesquisas com animais indicam que grandes quantidades do tempero causam danos no estômago, duodeno e fígado devido à sua acidez.
    A acidez do tempero pode chegar ao ponto de mudar o pH do sangue e causar uma acidose metabólica, quadro de risco que pode ser fatal. Porém, o problema só ocorre quando o vinagre é consumido em quantidades imensas, como uma garrafa inteira em um dia.
    Além disso, grandes quantidades de vinagre podem teoricamente interagir com diuréticos, laxantes e medicamentos para diabetes e doença cardíaca.